O que fazer em Jericoacoara – dicas de uma local

O que fazer em Jericoacoara – dicas de uma local

Eu tive a sorte de passar parte da adolescência e da vida adulta morando em Fortaleza. E Jericoacoara, distante 300 quilômetros da capital cearense, era pedida certa nos feriados e férias com amigos e família. Em quase vinte anos, eu acompanhei Jericoacoara se transformar de um destino conhecido apenas por poucos turistas e a galera do kitesurf em uma das praias mais visitadas no Nordeste. Do tradicional pôr do sol na duna às novas baladas de música eletrônica, veja como aproveitar o melhor de Jeri.

Passar o dia na Lagoa da Jijoca

📷 Jade Queiroz on Flickr 

Aquela foto típica de Jericoacoara – de uma rede mergulhada em águas esmeraldas cercadas por areia branquinha – não é tirada no mar. O cenário fica na Lagoa da Jijoca. Ao redor da água, os quiosques são verdadeiros restaurantes: servem uma boa variedade de petiscos, refeições e bebidas. É o lugar perfeito para passar o dia inteiro aproveitando o sol sem pressa.

Os trechos conhecidos como Lagoa do Paraíso e Lagoa Azul – que na verdade são uma única lagoa junto com a da Jijoca – têm o mesmo esquema: redinhas, quiosques e o clima ideal para deixar o tempo passar.

Conhecer a Pedra Furada

Um dos cartões-postais de Jeri, a Pedra Furada fica a mais ou menos 45 minutos a pé desde o centro da vila. O caminho pela praia só pode ser feito na maré baixa, por isso pergunte no seu hostel sobre a situação do mar. Na maré alta dá para chegar na Pedra Furada por cima das falésias, porém o caminho é mais longo, tem subida, descida e o chão pedregoso pode ser um pouco desconfortável para quem está de sandálias.

O melhor horário para as fotos é durante a manhã, pois o sol bate de frente para a pedra, com o mar ao fundo. Aquela foto mara com o sol “dentro” da pedra é tirada durante o pôr do sol, porém só rola entre junho e agosto – quando o astro-rei se põe na posição exata.

Fim de tarde na Duna do Pôr do Sol

Ver o sol se pôr no mar é uma atração em Jericoacoara – as pessoas até batem palma. No fim da tarde todo mundo deixa o que está fazendo para ver esse espetáculo e a Duna do Pôr do Sol, que não por acaso tem esse nome, é o lugar mais procurado. A subida na areia fofa cansa, mas a vista lá de cima compensa. Dica para os “forasteiros”: no Ceará o sol se põe cedo, por volta das 17h50, mesmo no verão.

Ter seu momento Lençóis Maranhenses

📷 Luiza Carneiro on Flickr 

Passeios de buggy ou jardineira para o litoral leste e oeste são vendidos por praticamente todas as agências de Jericoacoara. O tour para o lado leste tem parada nas Dunas e Lagoa da Barrinha, onde a areia branca intercalada por lagoas de água escura têm um visual parecido com os Lençóis Maranhenses. No roteiro também está a Árvore da Preguiça, a Lagoa Azul e uma paradinha no mirante da Pedra Furada (em cima das falésias, o passeio não desce até a praia).

Ver cavalos-marinhos

O tour do litoral oeste tem a opção (geralmente paga à parte) de um passeio de canoa no rio Guriú, onde a grande atração é ver cavalos-marinhos (não se empolgue muito, eles são pequenininhos, cabem na palma da mão). O percurso inclui também a Praia de Mangue Seco e a Lagoa Grande, na Tatajuba. A parada do almoço é em um dos quiosques ao redor da lagoa, onde é possível fazer tirolesa e descer no “toboágua” – na verdade uma enorme faixa de plastico molhada que vai do topo da duna até a lagoa.

Terminar o dia no point mais badalado de Jeri

O pôr do sol mais hype da vila é sem dúvidas o Café Jeri, uma espécie de balada, só que termina cedo: o local encerra as atividades às 20h30. O ambiente é agitado, com música eletrônica, show de luzes, performances circenses e drinks charmosinhos preparados por barmans malabaristas. Se quiser pegar uma mesa chegue antes das 17h, mesmo na baixa temporada.

Fazer uma aula de windsurf ou kitesurf

📷Jade Queiroz on Flickr 

Jericoacoara é um dos melhores points de wind e kitesurf do mundo, atraindo amantes desses esportes há décadas. Para os novatos, é possível contratar uma aula (já com equipamento incluído) nos hostels, agências de turismo e escolas espalhadas pela vila e arredores. Além de Jeri, a Praia do Preá (a 12 quilômetros do centro da vila) também é um local de prática de kitesurf. A temporada de ventos – essencial para prática dessas atividades – vai de julho a janeiro.

Comer a primeira fornada na Padaria Santo Antônio

No tempo que Jeri recebia poucos turistas, a única opção de “restaurante” na madrugada era a Padaria Santo Antônio, que abre antes do sol nascer. Por isso ela acabou virando point dos baladeiros, que matam a fome com pães de queijo, banana, coco e chocolate saídos quentinhos do forno à lenha.

Comer pastel de arraia, torta de banana e camarão no abacaxi

O pastel de arraia – peixe cartilaginoso muito usado na culinária regional – e a torta de banana são vendidos nos quiosques e por ambulantes na praia há muitos anos. E, mais recentemente, um outro prato virou tradição nos restaurantes: o camarão no abacaxi. Feito com ingredientes frescos e de origem local, é uma pedida imperdível para quem visita a cidade.

Fazer nada

📷@matthias_krappitz

Um dos programas mais atrativos de Jericoacoara é curtir o delicioso dolce far niente: tomar sol, um drink ou uma água de coco à beira da praia, descansar, acordar tarde e aproveitar a gastronomia local sem pressa. As águas do mar e das lagoas, quentinhas o ano inteiro, são um convite irresistível para relaxar.

📚 Sobre a Autora 📚

Mila de Oliveira é jornalista, adora viajar lento e escrever. Acredita que viajar é uma atitude libertadora para as mulheres e por isso compartilha seus rolês como solo traveller no blog Saia Pelo Mundo e no Instagram @saiapelomundo.

Share The World!
INSTAGRAM
EMAIL
Facebook
Facebook
GOOGLE
GOOGLE
/blog/o-que-fazer-em-jericoacoara/?lang=pt-br
Youtube

Sobre o Autor

Laura Carniel

I'm Laura, Brazilian, and I'm obsessed with dogs, films, sharing good stories with friends and discovering quirky places. Social Media & Content Executive and #HostelworldInsider at Hostelworld. 🌏 Favourite place on earth: London, UK. 🏠 Favourite hostel: Oki Doki Hostel - Warsaw, Poland. Follow my travel adventures and loads of dogs on Instagram @astaclivo 🐶✈️

Inspire-se

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios. Campos obrigatórios são marcados com *

Aplicativos de Celular Hostelworld

Faça a reserva no caminho com os novos aplicativos móveis da Hostelworld.

Download on App Store Download on Play Store

Pesquise e reserve mais de 33.000 propriedades em 170 países, onde você estiver.