Mochileiro aventureiro: as melhores trilhas para fazer no Brasil

Mochileiro aventureiro: as melhores trilhas para fazer no Brasil

Quem aí AMA entrar em contato com a natureza? Fazer uma trilha, muitas vezes, é o único jeito de chegar a lugares paradisíacos, surpreendentes e, o melhor, pouco frequentados. De praias a cachoeiras, de dunas a chapadas, há uma enormidade de destinos fantásticos esperando você tirar a preguiça do corpo e ir, com suas perninhas, até eles.

Então resolvi reunir aqui algumas das melhores trilhas para fazer no Brasil. Espalhadas pelo nosso enorme território, há trilhas de diferentes níveis de dificuldade e para todos os gostos, então não tem desculpa para não incluir uma trilha na sua próxima viagem.

1 – Vale do Pati – Chapada Diamantina (BA)

Sabe aquela foto de uma pedra pontuda, uma pessoa sentada, e, ao fundo, apenas a imensidão de montanhas verdes de topo achatado? Esse visual, uma das vistas mais estonteantes do Brasil, é do Vale do Pati, na Chapada Diamantina. A trilha não é das mais fáceis ou curtas, mas quem a faz volta, na maioria das vezes, completamente transformado.

Além do visual mais famoso, a trilha do Vale do Pati é uma verdadeira experiência de vida. Durante dois dias e uma noite, ou duas noites e três dias, a trilha passa por diversos pontos atrativos, como mirantes, cachoeiras e cavernas, e proporciona o contato com as famílias que moram bem no meio do vale.

É uma vivência de muita caminhada, suor, silêncio e momentos de superação. Acima de tudo, são dias repletos de reflexões internas, seja sobre o nosso papel no mundo e na natureza, ou sobre a vida cotidiana que, naquele momento, está bem, bem longe de você.

2 – Morro Dois Irmãos – Rio de Janeiro (RJ)

Não há dúvidas de que há muito o que fazer no Rio de Janeiro e, felizmente, para todos os tipos de mochileiro. Um local tão paradisíaco não poderia deixar de também contar com diversas trilhas que mostrem os visuais da cidade de diferentes ângulos.

Existem dezenas de opções para quem quer fazer trilhas pelo Rio: a da Praia Vermelha até o Pão de Açúcar, a do Parque Lage até o corcovado, a que chega à Pedra Bonita… Resolvi, porém, indicar a que leva ao Morro Dois Irmãos por ser uma trilha relativamente fácil, demorar cerca de 40 min e ter um visual fantástico que comtempla alguns dos maiores cartões-postais do Rio.

Do topo do morro você vai conseguir enxergar o Corcovado, o Pão de Açúcar, as lagoas e a praia da Barra da Tijuca e, ainda, um belíssimo mar azul até perder a vista.

Não deixe de conferir os 14 melhores hostels no Rio de Janeiro

3 – Trilha da Lagoinha do Leste – Florianópolis (SC)

A gente não cansa de falar de Floripa aqui no blog do Hostelworld por um motivo bem simples: essa ilha no sul do Brasil é PERFEITA para o mochileiro que ama praia, aventura e muita natureza. Além de lugares sensacionais para relaxar, Florianópolis tem diversas oportunidades de “se embrenhar no mato” e encontrar recantos desertos e paradisíacos.

A Trilha da Lagoinha do Leste, no sul da ilha, é uma das mais famosas devido ao visual estonteante que proporciona da praia Lagoinha do Leste. Além da vista principal, a caminhada, que começa no bairro de Pântano do Sul, contempla inúmeros ângulos da região ainda quase intocada. Se cansar com as subidas, pode ter certeza que a visão da areia branca e do mar azul que te esperam na praia da Lagoinha do Leste vai dar aquele impulso final ao trajeto.

Por ser acessível apenas a pé ou de barco, a praia é normalmente vazia, a não ser por outros aventureiros como você. Então não esqueça de levar mantimentos, litros e litros de água e bastante filtro solar.

  • Nível da trilha: médio, cerca 1h15 para chegar à praia
  • Perfeita para quem gosta de: praia e lugares isolados
  • Hostel pertinho: Saqui Hostel

Indo para Floripa? Descubra as melhores regiões e os melhores hostels de Floripa

4 – Trilhas de Ilhabela (SP)

Um dos melhores lugares com hostels para fugir do mundo, Ilhabela é o xodó dos paulistas que amam natureza – e pode ser o seu também. O Parque Estadual Ilhabela, que abrange a maior parte da ilha, é repleto de zonas fantásticas que podem ser acessadas apenas através de trilhas de diferentes níveis e durações.

A Trilha do Pico do Baepi é uma das mais difíceis e longas (cerca de 8h), mas oferece uma das vistas mais amplas da ilha e da Serra do Mar. Há, porém, trilhas bem fáceis, como a dos Três Tombos, e também de nível médio, como a da Cachoeira do Veloso. No sul da ilha, a Trilha das Praias pode ser uma boa pedida para quem quer algo mais fácil, mas ainda cheio de visuais incríveis.

  • Nível da trilha: maioria das trilhas de nível fácil
  • Perfeita para quem gosta de: praia e natureza intocada
  • Hostel pertinho: Granola Hostel

5 – Travessia dos Lençóis Maranhenses (MA)

A enormidade do parque nacional que abriga os Lençóis Maranhenses é difícil de ser compreendida por quem apenas foca nas suas regiões e lagoas mais famosas. O local é riquíssimo em ecossistemas e suas dunas guardam, além dos cenários típicos, vilarejos e muita fauna e flora nativas – sendo inclusive um dos desertos do mundo que você precisa conhecer.

Uma das melhores formas de realmente explorar os Lençóis, então, é se embrenhar na chamada Travessia dos Lençóis Maranhenses. Com início em Barreirinhas, a principal cidade-base local, a experiência dura entre quatro e cinco dias, dependendo dos viajantes. Dormir em redes e almoçar na casa de famílias pelo caminho faz parte da travessia, uma verdadeira imersão que proporciona bem mais do que bonitas fotos entre dunas.

  • Nível da trilha: difícil, cerca de quatro dias
  • Perfeita para quem gosta de: desafios e daquela vibe “no meio do nada”
  • Hostel pertinho: Paraíso do Caju Hostel

6 – Aparados da Serra (RS e SC)

A região na fronteira entre os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina precisa ser explorada pelos mochileiros que amam montanhas, trilhas, cachoeiras, cânions… O local é riquíssimo em natureza e vem cada vez mais se preparando para receber viajantes que querem explorar suas belezas da forma mais simples: deixando apenas pegadas.

Em Urubici (SC), dá para fazer uma trilha de nível médio, porém longa (cerca de 4h), até a majestosa Pedra Furada e registrar fotos incríveis. Em São José dos Ausentes (RS), uma caminhada de apenas 30min a partir de uma fazenda local pode levar à uma vista superior do enorme Cachoeirão dos Rodrigues. Também na cidade, um trecking mais longo, de cerca de 3h, dá acesso à belíssima Cachoeira do Dez, onde é possível se banhar em seus degraus.

Cidades como São Joaquim (SC) e Bom Jesus (RS) também contam com ótimas trilhas e aventuras. Já bem na divisa dos estados ficam dois parques nacionais que guardam o Cânion Fortaleza e o Cânion Itaimbezinho, os locais mais famosos e de mais fácil acesso da região.

  • Nível da trilha: diversas trilhas que vão do nível fácil ao difícil
  • Perfeita para quem gosta de: campo e montanhas
  • Hostels próximos na Praia do Rosa (SC)

7 – Travessia da Ponta da Joatinga – Paraty (RJ)

Um final de semana em Paraty pode ser tudo o que você precisa para recarregar as energias e fazer uma viagem rápida. Nesse famoso destino turístico, uma das atrações mais procuradas pelos mochileiros é explorar a natureza local em trilhas e travessias para lá de surpreendentes.

Para acessar muitas das praias da região é possível pegar barquinhos de pescadores ou se aventurar em trilhas, na maioria das vezes, de nível médio. Já uma das mais famosas é a Travessia da Ponta da Joatinga: com duração de três dias, a travessia vai de Paraty até a Vila de Laranjeiras, apresenta quilômetros de subidas e descidas e, para compensar, alguns dos visuais mais lindos do sudeste brasileiro.

  • Nível da trilha: difícil, cerca de três dias
  • Perfeita para quem gosta de: desafios e trilhas longas
  • Hostel pertinho: Kaissara Hostel

8 – Trilhas em Bonito (MS)

Bonito é um dos melhores lugares no Brasil para quem gosta de turismo ecológico, guardando diversas atrações que unem natureza, diversão e contemplação. Além de momentos inesquecíveis como a flutuação no Rio da Prata, o local proporciona passeios “alternativos” para quem quer fugir do convencional e aproveitar cantinhos mais desertos.

Há tantas possibilidades de trilhas, a maioria delas bem fáceis, que, ao perguntar para a equipe do seu hostel em Bonito, você já vai receber várias dicas. Trilhas no Parque das Cachoeiras, no Parque Ecológico do Rio Formoso ou ainda a Trilha Ecológica da Boca da Onça são boas opções, além de divertidas trilhas de bicicleta pela mata.

  • Nível da trilha: maioria de nível fácil
  • Perfeita para quem gosta de: cachoeiras e mata fechada
  • Hostel pertinho: Papaya Hostel

9 – Trekking do Descobrimento (BA)

📷@juniorvolcato

Um mochilão pelo nordeste é o sonho de milhares mochileiros brasileiros por aí – e damos toda a razão para eles. Além das praias, falésias e lagoas de água cristalina, a região conta com cidades históricas cheias de atrações, cultura riquíssima e uma culinária de dar água na boca só de pensar.

Cerca de 80 km formam um dos passeios mais diferentes para se fazer no nordeste, o Trekking do Descobrimento, caminhada que passa por alguma das regiões brasileiras onde, há mais de 500 anos, os primeiros portugueses desembarcaram. O trajeto começa em Cumuruxatiba, uma pequena vila de pescadores, e, indo sempre pela costa e em direção ao norte, termina na famosa Trancoso.

A travessia não é para iniciantes: além dos muitos quilômetros, é necessário ter conhecimento das marés e do clima da região. Os trilheiros de carteirinha que topam o desafio, porém, são gratificados com visuais incomparáveis e um enorme sentimento de superação.

  • Nível da trilha: difícil, cerca de 5 dias
  • Perfeita para quem gosta de: desafios e praia
  • Hostel pertinho: Jacarandá

Leia também:

📚 Sobre a Autora 📚

Meu (estranho) nome é Iami, sou formada em jornalismo e fui estagiária do Hostelworld em 2018. Eu amo provar comida de rua, ler na praia e assistir a “Largados e pelados”. Lugar preferido: Praia de Palmas, SC, Brasil. Hostel preferido: Bananas Bungalows, Krabi, Tailândia. Você pode seguir os meus rolês por aí no Instagram @iamigerbase.

Share The World!
INSTAGRAM
EMAIL
Facebook
Facebook
GOOGLE
GOOGLE
/blog/mochileiro-aventureiro-as-melhores-trilhas-para-fazer-no-brasil/?lang=pt-br
Youtube

Sobre o Autor

Iami Gerbase (Hostelworld)

Hi! My (weird) name is Iami and I'm a Brazilian journalist tired of hearing "You don't look Brazilian". I love to taste street food, read at the beach and watch Naked and Afraid. 🌏 Favourite place on earth: Praia de Palmas, SC, Brazil. 🏠 Favourite hostel: Bananas Bungalows, Krabi, Thailand. You can follow my travels on Instagram: @iamigerbase.

Inspire-se

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios. Campos obrigatórios são marcados com *

Aplicativos de Celular Hostelworld

Faça a reserva no caminho com os novos aplicativos móveis da Hostelworld.

Download on App Store Download on Play Store

Pesquise e reserve mais de 33.000 propriedades em 170 países, onde você estiver.