Como tirar fotos perfeitas de viagem: dicas para mochileiros

Como tirar fotos perfeitas de viagem: dicas para mochileiros

Nós sabemos que nem todo mundo é fotógrafo profissional com o melhor equipamento que o dinheiro pode comprar e a técnica de transformar fotos em obras de arte. Conhecemos a sensação de ver as fotos depois de um dia inteiro com a câmera na mão e perceber que é melhor passar menos tempo se achando o Chris Burkard e mais tempo mantendo os dedos fora do enquadramento. Embora essas situações possam parecer desanimadoras, estamos aqui para dizer que ainda há esperança para as suas fotos de viagem!

Reunimos uma lista com dicas de fotógrafos comuns para fotógrafos comuns, na esperança de reacender o fogo e te dar confiança suficiente para se arriscar com seus dispositivos fotográficos novamente.

Timing

“Timing” é tudo na fotografia: é preciso acertar o tempo certo da foto. Isso pode ser uma das partes mais desafiadoras da fotografia em viagens, pois é preciso pensar e planejar, o que é difícil de fazer quando você não está familiarizado com o que está ao seu redor. O horário em que você sai com as câmeras afeta o tipo de luz com a qual vai trabalhar, a quantidade de pessoas que você precisa considerar em suas fotos e o que você realmente testemunha.

Se você quer um brilho lindo e quente nas suas imagens, acordar de manhã cedo e tirar fotos ao nascer do sol vai produzir resultados muito bons. Se madrugar não é sua praia ou se você acabar ficando acordado até mais tarde na noite anterior (afinal, você está de férias 🍻), o pôr do sol é sua próxima melhor aposta. Estes horários de céu brilhante e luz suavemente amarelada são referidos como “Hora Dourada”, que muitas pessoas elegem como o momento preferido para fotos. Depois de fazer muitas fotos de cores quentes e destaques brilhantes, você também pode querer variar um pouco e buscar a “Hora Azul” – prometemos que não é tão sinistro quanto parece. Este período de tempo diz respeito aos momentos anteriores do sol nascer no horizonte ou um pouco depois dele se pôr. Como o céu é mais escuro, você vai notar que as sombras em suas imagens são enfatizadas, oferecendo um ótimo contraste com os realces do quadro.

How to take travel photos - timing

📷: Luca Bravo

Embora o pôr do sol e o início da noite sejam lindos, é verdade que “Deus ajuda quem cedo madruga”. Em nossa experiência, vale a pena acordar a tempo de pegar as primeiras horas azuis e douradas da manhã para fazer fotos incríveis de lugares famosos e paisagens exuberantes. Também é uma ótima maneira de se conectar com o ambiente ao seu redor e seguir seu próprio ritmo, em vez de tentar correr para alinhar a foto perfeita antes que alguém passe na sua frente.

how to take travel photos - sunset

📷: Tim Scharner

Toda essa conversa sobre hora dourada ou azul pode deixar a impressão de que esses são os únicos momentos do dia em que você pode fazer ótimas fotos, mas isso não é verdade. Os dias nublados oferecem luz suave e difusa, que facilita a captura de detalhes das fotos sem que eles se percam nas sobras ou no excesso de luz. Dias de tempestades também são ótimos para deixar suas fotos com um ar mais dramático – tente incluir uma boa quantidade de céu no quadro para reforçar esse efeito. As chances são de que você tenha alguns dias ensolarados durante as viagens (tomara!), então aproveite para pegar a câmera! Trabalhar com luz direta pode ser um desafio porque os destaques ficam muito claros e as sombras muito escuras, o que significa que alguns detalhes podem se perder no contraste. Uma forma divertida de usar a luz forte a seu favor é tentar direcionar o foco para enquadramentos em que esse contraste seja mais acentuado, como sombras ou silhuetas.

How to take travel pictures - shadows

📷: Joshua K. Jackson

Basicamente, o que estamos tentando é dizer que toda hora pode ser um bom momento para tirar fotos de viagens, só é preciso que o fotógrafo pesquise quando estar no local para fazer a foto que tem em mente. Além disso, se as coisas não acontecerem como você espera, aproveite para praticar e se adaptar aproveitando ao máximo as condições de que apresentarem (iluminação, multidões e etc.), pois suas fotos só vão melhorar com mais prática! Nosso último truque sobre o tempo é garantir que você também reserve algum tempo para si mesmo. É comum a gente andar por algum lugar, tirar milhões de fotos e depois perceber que não aproveitamos o tempo para conhecer os arredores com nossos próprios olhos. Se seus companheiros de viagem não quiserem esperar até você acabar de fotografar, não há problemas em marcar para encontrá-los depois ou, quem sabe, convencê-los a fazer parte de suas fotos!

Técnicas

Suas fotos de viagem também vão melhorar à medida em que você aprender a usar algumas técnicas diferentes. Essas técnicas não são, de forma alguma, “regras”, mas sim ferramentas que podem ser usadas quando for apropriado para tornar suas fotos mais impactantes.

Enquadramento:

Enquadrar o assunto da foto entre elementos do ambiente vai chamar mais atenção e oferecer um bom efeito de isolamento. Faça as pessoas olharem para onde você quer que elas olhem!

How to take travel photos - Framing

📷: Vitor Pinto

Regra dos terços:

Uma técnica chave entre muitos fotógrafos é a chamada “Regra dos Terços” (Rules of Thirds), que essencialmente diz que o cérebro humano é atraído por objetos que estão no terço horizontal ou vertical do quadro. Então, em vez de tirar uma foto da sua alma gêmea no alto da montanha no meio do quadro, tente posicioná-los ao lado direito ou esquerdo e exibir mais do fundo da paisagem também 😍 (talvez você não precise dizer a eles o que está fazendo…).

Rule of thirds

📷: Henry Gillis

Linhas guias:

Tente usar as linhas principais do ambiente (“Leading Lines”, em inglês), para “levar o olho” em direção a um objeto. Essa técnica chama a atenção para o assunto enquanto o espectador segue a linha até ele.

How to take travel photos - leading lines

📷: Ivan Chen

Simetria:

A melhor maneira de descrever a simetria é imaginar a moldura da foto como uma gangorra. Para ter uma foto simétrica, tente pesar cada lado do quadro para que fique “equilibrado”. Você também pode jogar com a assimetria, o que é um pouco mais difícil de entender. Pense na assimetria como colocar o peso em apenas um lado da gangorra: ainda há mais objetos no quadro, mas eles não estão equilibrados. Na verdade, se resume ao que você está tentando capturar e ao que parece melhor para você!

How to take travel photos - symmetry

📷: Willian Justen de Vasconcellos

Posicionamento

Uma coisa é ficar em frente a uma linda paisagem e fazer uma foto incrível, mas aprender a capturar imagens em áreas inicialmente menos impressionantes também é muito importante nas fotos de viagens. É aqui que entra o posicionamento, onde você fica em relação ao assunto da foto.

Estar no meio da ação é super divertido e, muitas vezes, resulta em ótimas fotos, mas mudar a sua posição em relação ao assunto vai deixar suas fotos mais variadas e aumentar as chances do clique perfeito! Depois de andar pela região, tirar algumas fotos e aproveitar a vibe do lugar, tente se afastar um pouco para tirar fotos de longe, ou procure por algum ponto que ofereça uma perspectiva do alto. Não tenha medo de dar uns passos extras durante o dia em busca das fotos perfeitas.

Também é fácil perceber quando você acompanha a multidão e atenta apenas para o que está ao nível dos olhos, esquecendo o resto do ambiente. Você ficaria surpreso em descobrir o quanto pode perder por não parar um pouquinho para olhar ao seu redor. Em lugares muito cheios, pode ser reconfortante se afastar um pouquinho, respirar fundo e analisar qualquer foto em potencial que você pode ter deixado passar direto. Olhe para o alto, para baixo, para os lados – as boas fotos estão em todos os lugares. Em vez de continuar com a fotografia ao nível dos olhos, jogue com ângulos baixos e aponte a câmera para diferentes partes do ambiente para criar um aspecto único.

How to take travel photos - positioning

📷: Vitalis Hirschmann

Equipamento

Dizem algo parecido com “a melhor câmera é aquela que você tem nas mãos”, e em uma era de smartphones, tecnologias de câmeras incríveis e revolução cinematográfica, há uma quantidade ridiculamente grande de ferramentas que você pode escolher para capturar memórias. No fim das contas, realmente não é sobre o quão sofisticado é o seu equipamento, mas como você o utiliza. Claro, uma câmera com recursos multimilionários pode oferecer mais flexibilidade criativa ou aumentar a gama de condições favoráveis para fotografar ou filmar, mas há algo a se aprender sobre atuar dentro dos limites do seu equipamento – você só precisa de dedicação. Smartphones e câmeras mais simples e menores podem até ser uma vantagem em fotografia de viagens, por serem mais leves, fáceis de carregar e menos intrusivas, já que as pessoas estão acostumadas a elas.

Um tripé é uma das principais ferramentas que podem fazer uma grande diferença nas suas fotos. Eles estão disponíveis em diferentes tamanhos, pesos e faixas de preço, então é importante encontrar um modelo que atenda ao que você precisa. Se um tripé não está na sua lista de prioridades, existem outras opções para ajudar a fazer fotos claras e nítidas. Em qualquer local, procure por superfícies horizontais para apoiar sua câmera (latas de lixo, bordas, sacadas, bancos, etc.), pois qualquer coisa oferece melhor estabilidade do que fotografar com as mãos. Usar um tripé ou formas alternativas de estabilização não apenas vai render imagens mais nítidas, mas também permitir que você use velocidades de obturador mais longas e ISO mais baixo, criando mais efeitos e reduzindo os ruídos de imagens.

Investir em lentes para a câmera que você já tem, ao invés de comprar uma câmera nova, é outra maneira de melhorar a qualidade das suas fotos. Lentes diferentes serão adequadas para diferentes situações e vão te ajudar a perceber sua visão criativa. Você pode já estar cansado de ler isso, mas a “melhor lente” realmente depende do seu estilo de fotografia e do que você pretende criar. Lentes podem ser bem caras, mas existem algumas marcas mais em conta que oferecem opções por preços atrativos e têm qualidade suficiente para fotógrafos amadores. Sua loja de câmeras local ficará feliz em te indicar a direção certa se você explicar que tipo de foto quer fazer. Por falar em lentes, há uma séries de acessórios compatíveis com smartphones que, embora não melhorem seu desempenho, são uma maneira divertida de variar nos tipos de fotos que você tira. Além das lentes, você pode procurar por filtros polarizadores que cortam o brilho do sol e aumentam a profundidade das cores nas suas imagens – altamente recomendado!

How to take travel pictures - red lights

📷: evershy

Edição

A edição pode transformar uma boa foto em uma ótima foto, ou se tornar um completo pesadelo. O truque costuma ser pegar leve no início, pois mudanças drásticas podem deixar as fotos não naturais, mas não deixe de brincar com diferentes ajustes para deixar sua foto com um visual específico e desenvolver seu estilo próprio. Muitas redes sociais incluem filtros pré-definidos, mas também oferecem ferramentas de edição integradas que podem atender às suas necessidades e oferecer maior controle criativo. Se você procura por algo mais completo, há muitas opções gratitas ou pagas para telefones e computadores, que oferecem ajustes muito mais detalhados. Aprender a editar suas fotos não só vai ajudar a melhorá-las, mas também pode deixar aquelas fotos que não ficaram muito legais bem melhores. Por exemplo, transformar aquelas fotos de alto contraste que foram tiradas em condições de luz desfavorável em fotos em preto e branco pode salvar as imagens que não ficaram com bom resultado de cor. Usando um software de edição em smartphones e computadores, você tem mais flexibilidade para editar suas fotos em qualquer lugar!

How to take travel pictures - black and white

📷: Matthew Ronder-Seid

Experimente!

Não estamos dizendo que somos fotógrafos profissionais aqui, mas pegamos essas dicas ao longo de anos de experiência e prática. A verdade pura e simples é que não há truques para tirar fotos de qualidade profissional, e nem esse deve ser necessariamente o objetivo de suas fotos de viagem. Ao aproveitar o tempo para aprimorar suas habilidades fotográficas, você vai começar a descobrir o que funciona para você e como gosta de fotografar. Essas sugestões não vão fazer de você um profissional, mas aproveitar algumas delas não vai fazer mal!

 

📷 Sobre o autor 📷

Eric Sandstrom (Hostelworld): Canadense apaixonado por paisagens naturais vastas, clima frio e cachorros grandes.

Share The World!
INSTAGRAM
EMAIL
Facebook
Facebook
GOOGLE
GOOGLE
/blog/como-tirar-fotos-de-viagem/?lang=pt-br
Youtube

Sobre o Autor

Eric Sandstrom (Hostelworld)

🇨🇦 Pretty stoked on vast landscapes, cold weather, and big dogs 🗻

Inspire-se

2 Responses to “Como tirar fotos perfeitas de viagem: dicas para mochileiros”

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios. Campos obrigatórios são marcados com *

Aplicativos de Celular Hostelworld

Faça a reserva no caminho com os novos aplicativos móveis da Hostelworld.

Download on App Store Download on Play Store

Pesquise e reserve mais de 33.000 propriedades em 170 países, onde você estiver.