Como fazer viagens baratas pelo Brasil todo feriado (e sem quebrar seu orçamento!)

Como fazer viagens baratas pelo Brasil todo feriado (e sem quebrar seu orçamento!)

Viagens baratas pelo Brasil soam para você como aquilo que a gente só escuta falar, mas não algo que realmente podemos fazer?

Você é daquelas pessoas que fica suspirando pela janela do escritório, enquanto rola o feed nas redes sociais com inspirações de viagem?

Calma! A gente garante: dá pra ser viajante e ter um emprego “normal”, sim! Viajar para destinos incríveis sem gastar rios de dinheiro é possível e a gente vai te mostrar como. Já antecipamos que o melhor jeito é aproveitar os feriados para dar pequenas escapadas, fazendo viagens baratas pelo Brasil e sem quebrar seu orçamento.

📷 @victoraroundtheworld

Primeiro, vamos dar algumas sugestões de como economizar dinheiro para viajar e depois, quando você estiver prontinho para sua próxima aventura, a gente te ajuda a viajar barato. Na terceira parte, temos ainda dicas de destinos baratos para viajar no Brasil. Vamos lá?

Como economizar dinheiro para viajar

Não sou nenhuma expert em finanças, mas para economizar temos que cortar gastos ou aumentar receitas. É uma questão de matemática!

💸 Cortando Gastos

Para cortar gastos, a primeira coisa que você precisa fazer é um diagnóstico para entender para onde seu dinheiro está indo todo mês. Tem vários aplicativos legais para isso, em que você vai colocando seus gastos em categorias e no final do mês você consegue ver com o que gastou.

A partir daí, temos que ir para os cortes! Isso vai de cada pessoa, claro, mas vamos supor que você gaste muito dinheiro comendo fora. Então se você começar a levar comida de casa pro trabalho, vai economizar bastante!

Já para quem é do tipo que gasta muito com festas, trocar por programas mais tranquilos com os amigos ou diminuir o álcool também vai ajudar. Eu, por exemplo, viajo bastante, mas é raro eu ir em restaurantes caros, não costumo gastar com festas e bebidas, não ligo para roupas de marca, enfim…

Toda rotina é ajustável, basta definir suas prioridades e fazer escolhas.

💳 Esqueça o cartão de crédito!

O cartão é um dos maiores inimigos na vida de quem precisa juntar dinheiro. Quem nunca achou que estava rico e mandou um “Ah, passa no crédito!”? Nem sentimos, mas uma hora a conta sempre vem!

Eu não abandonei o meu completamente por um motivo simples: ele é necessário para compras na internet, principalmente passagens. Mas no meu dia-a-dia, ele fica guardadinho em casa 😉

O desafio das 52 semanas é outro bom método para juntar. Funciona assim: a cada semana, o valor que você precisa guardar aumenta progressivamente. Tem várias planilhas prontas na Internet, é só procurar com esse nome.

Decisões mais drásticas como renegociar dívidas, vender o carro, se mudar para um apartamento menor, em outro bairro ou dividir com mais pessoas, também não devem ficar completamente de fora nesse momento.

O mais importante é ter um foco, para você não sentir que está se privando e juntando dinheiro “à toa”.

💰 Aumentando suas receitas

Se você já tem um trabalho fixo, tente encontrar um hobbie lucrativo. Algo que te dê prazer, mas que também possa dar um dinheirinho extra. Exemplo: se você já gosta de cozinhar, por que não começar a fazer doces e vender no trabalho ou faculdade?

Uma coisa que eu costumo fazer nos finais de ano, ou em vésperas de viagens maiores, é um bazar do desapego com roupas e coisas que não quero mais. Convide outros amigos para vender com você e capriche na divulgação! Além de renovar as energias do guarda-roupa, dá para levantar um dinheirinho legal.

Já pensou em alugar seu apartamento na temporada ou um quarto vago pelo Airbnb? Ou então receber catioros como hóspedes pelo Dog Hero? Isso são só alguns exemplos.

O céu é o limite: basta ter determinação e um pouquinho de criatividade.

Como viajar barato

💵 Seja flexível

Na minha opinião, essa é a regra nº 1 para quem quer viajar com pouco dinheiro. Se rolar uma promoção para um lugar que não necessariamente estava no topo da sua lista de destinos dos sonhos, dê uma chance! Numa dessas, você ainda vai se surpreender com a quantidade de lugares bonitos e pouco conhecidos que existem nesse mundão!

📷 @ic.theworld

Eu costumo pesquisar passagens de avião no Skyscanner colocando a minha cidade (Rio de Janeiro) como ponto de saída e “qualquer lugar” como destino. Você também pode selecionar a opção “mês mais barato” e encontrar as melhores promoções de passagens aéreas.

Outra boa dica para economizar em passagens é assinar o mailing ou ligar o alerta de sites que divulgam promoções, como o Melhores Destinos e o Passagens Imperdíveis. Vale a pena também seguir as páginas desses sites no Facebook e colocar a opção “ver primeiro”. Assim, as promoções vão ser sempre as primeiras a aparecer no seu feed de notícias do Facebook.

Em relação às milhas, eu confesso que eu nunca parei para estudar e desvendar o segredo delas. Tem que ter alguma dedicação para entender o funcionamento desse fantástico mundo, aliás, não só das milhas, mas das passagens baratas como um todo.

🛏 Fique em hostel

Somos suspeitos, a gente sabe, mas realmente não tem como falar de viajar barato sem falar de hostels! Além da diária ser mais barata, os hostels costumam ter  cozinha compartilhada. Então, se você for ao mercado e cozinhar ao invés de comer na rua, vai economizar ainda mais!

Infelizmente, ainda tem muita gente que imagina hostels como aqueles lugares caindo aos pedaços, com triliches apertadas e cheiro de mofo. Mas, na verdade, os hostels costumam ser descolados, mais baratos e ainda são ótimos lugares pra conhecer gente interessante do mundo inteiro.

Não acredita? Olha só essa seleção de hostels tão incríveis que dão vontade de morar.

👉 Leia também os melhores hostels do Brasil para quem viaja sozinho 

Tetris Container Hostel

💻 Pesquise, pesquise, pesquise

Use a internet a seu favor! Hoje em dia, existem várias ferramentas que facilitam muito o planejamento de uma viagem. Uma que eu adoro é a Quanto Custa Viajar, que tem uma calculadora para três padrões (mochileiro, econômico e conforto) com base em estimativas. O site exige um cadastro, que pode ser feito com o Facebook, mas é totalmente gratuito.

Aliás, sobre isso, é importante considerar no cálculo também o quanto você gastaria se não fosse viajar. A não ser que seu plano seja passar o feriado inteiro enrolado nas cobertas vendo Netflix, provavelmente você vai gastar alguma coisa, né? Então coloque isso na conta e passe a ver o custo da viagem de outra forma 😉

🚗 Prefira viagens de carro

A experiência de uma road trip tem várias vantagens, mas a principal delas é com certeza a flexibilidade no roteiro e a sensação de liberdade que invade o peito.

Mas que fique registrado: nem todos os momentos são daqueles dignos de filme, com cabelos ao vento e “Born to be Wild” na caixa de som. Tem muito banheiro de posto de gasolina, pernas dormentes e restaurantes duvidosos no meio do caminho, mas vale muito a pena.

Ah, e viajar de carro também te pode te fazer economizar uns dinheiros, principalmente em viagens curtas ou médias e com pelo menos três pessoas.

📷@KristyDoesStuff

💵 Seja fiel ao seu orçamento

Quando eu viajo para lugares mais roots, eu sempre parto do pressuposto que tenho que levar tudo em dinheiro e isso acaba me mantendo fiel ao orçamento. Se eu calculei um valor X para aqueles quatro dias, é isso que eu levo e pronto. Mas, atenção: é muito importante calcular bem e se planejar para não passar sufoco.

Outra forma de fazer isso é ter sempre duas contas: corrente e poupança. Antes de viajar, transfira tudo para a poupança, menos o valor que você separou para viagem. Se você quiser, é claro que você pode transferir de volta, usar o cartão de crédito ou burlar isso de alguma forma, mas pelo menos não vai ser por engano!

🗺 Desapegue de pontos turísticos

📷@gobartos

Sem querer entrar na polêmica de turistas VS. viajantes, mas falando sob o ponto de vista de orçamento: pontos turísticos costumam ser caros justamente porque a maioria das pessoas não vai deixar de ir.

Então se você parar de encarar a sua viagem como um checklist quase infinito de lugares para apreciar momentos simples como um pôr-do-sol ou um café na praça, de quebra você também vai economizar bastante em ingressos.

🛣 Conheça seu quintal de casa

É comum a gente ficar sempre sonhando com viagens longas, para fora do país, e não dar tanta atenção ao que está logo aqui do nosso lado. Pode parecer clichê, mas o destino não é o único fator que faz uma viagem ser inesquecível ou transformadora!

Então, minha dica é não subestimar o poder daquelas “viagenzinhas”. Abra o mapa e dê uma olhada nos destinos próximos para fazer pequenas escapadas. Se você mora em uma cidade grande, aproveite os fins de semana ou feriados para explorar uma região da cidade que você conheça pouco, para fazer um programa diferente, ou qualquer coisa que você nunca tenha feito antes!

Enquanto a próxima viagem não chega, isso já deve ser suficiente para acalmar a sua alma inquieta de wanderlust.

📷@vacationzilla

💵 Escolha um destino barato

Prefira destinos de natureza aos destinos urbanos. Pensa comigo: a maioria dos atrativos naturais é de graça! Além disso, as tentações para gastar dinheiro são muito menores.

Nas grandes cidades, sempre tem aquele bar ou restaurante legal, lojas sedutoras vendendo coisas que você não precisa, enfim, é um tipo de viagem naturalmente mais cara.

Lugares baratos para viajar no Brasil

Florianópolis

📷@lumunhos

Com um litoral surpreendente, Floripa é um ponto de equilíbrio entre a acessibilidade de cidade grande e o charme de uma ilha.

No alto verão, os preços aumentam consideravelmente, mas não chega a ser um destino caro. Se possível, junte uma galera e alugue um carro! Saindo da ilha, vale muito a pena conhecer também a Guarda do Embaú e a região de Garopaba, capital do surf.

Hostel: a partir de R$40 por noite

Alimentação: em média, R$45 por dia

👉 Onde ficar em Florianópolis

👉 O que fazer em Florianópolis

Arraial do Cabo – Rio de Janeiro

📷@marcosdouglas5

Arraial é conhecida como o Caribe brasileiro é não é à toa! Realmente, o azul da água impressiona. Apesar de receber um número cada vez maior de turistas, a cidade é simples, sem o clima de ostentação que reina em Búzios.

Como uma casa de verão, o Books Rehab tem um clima de família e oferece um café da manhã saudável para começar bem o dia (e também economizar ainda mais!)

Custo$ aproximados de viagem

Hostel: a partir de R$50 por noite. Aqui está a lista completa de hostels em Arraial do Cabo.

Alimentação: em média, R$60 por dia

👉 O que fazer em Arraial do Cabo

Nobres – Mato Grosso

📷@carol_trevelin

Quer aventura? Nobres (MT) pode ser considerada uma alternativa à famosa cidade de Bonito (MS), com o estilo de natureza semelhante e uma diferença essencial: o preço.

Enquanto em Bonito, o principal destino de ecoturismo no Brasil, os preços de passeios são tabelados e é obrigatório ter acompanhamento de guia, em Nobres o esquema é bem mais roots, inclusive na infra-estrutura.

A cidade fica a 150 quilômetros de Cuiabá.

Alimentação: em média, R$40 por dia

Chapada dos Veadeiros – Goiás

📷@cmmagalhaes

Com várias trilhas e cachoeiras incríveis, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é um prato cheio para quem ama natureza! Além disso, a vibe desse lugarzinho mágico não é nada convidativa para o consumismo. Muito pelo contrário.

Não conheço nenhuma pessoa que tenha ido para a Chapada e não tenha se encantado com a energia de lá. Mas atenção na hora de planejar a viagem: para evitar maiores perrengues, o ideal é ir no período de seca (de maio a setembro).

O aeroporto mais próximo é Brasília (BSB), para onde costumam ter passagens baratas, e os principais pontos de apoio são Alto Paraíso (um pouco mais de estrutura) ou Vila de São Jorge (ainda mais roots). Cavalcante também pode servir de base para explorar outras cachoeiras da região.

Alimentação: em média, R$40 por dia

Veja mais dicas de como economizar em uma viagem para a Chapada dos Veadeiros

Nordeste

Coloquei o título assim mesmo, por um motivo: nosso litoral nordestino, como um todo, é absurdamente lindo! Tem muita gente que não pensa em viajar pelo Brasil porque diz “ah, não vale a pena”. Com um pouco mais de dinheiro, que nem é tão pouco assim, essas pessoas argumentam que conseguem viajar “para fora”.

📷@lorenasuavelopes

Os motivos para valorizarmos tão pouco nosso país é tema para outro post, mas queria reforçar aqui que a viagem só vai sair muito cara se você fechar pacote, se hospedar em um hotel e comer moqueca à beira-mar todo dia.

Mas se você for no esquema de mochileiro, vai sair bem mais barato do que você pensa, e ainda com a grande vantagem de pagar na sua própria moeda. As praias da Bahia, Pernambuco, Alagoas, Recife, isso para não citar outras, deixam muitas no chinelo! Além disso, o Brasil é tão grande e plural que viajar para outras regiões não deixa também de ter um impacto cultural na gente.

Em Morro de São Paulo, o eco hostel Universo Pool Bamboo (média de R$60 por noite) funciona como uma imersão na natureza. Quem já ficou por lá, recomenda: “O hostel é surpreendente em todos os aspectos. Ótimo staff que levam a mentalidade que é desenvolvida no hostel, um convite a sustentabilidade, vida saudável e equilíbrio. Possui diversas atividades que complementam a estadia. O café da manhã é maravilhoso, mas o principal destaque é a conexão com a natureza.”

Hostels: a partir de R$35 por noite (valores para Recife – Aqui a lista completa de hostels)

Alimentação: em média, R$60 por dia

👉 Veja mais praias para visitar no Nordeste que você precisa conhecer

👉 Veja também 17 destinos para se reapaixonar pelo Brasil

👉 Vire mochileiro: os 8 melhores destinos para mochilar no Brasil e como economizar em cada

E aí, já tá se sentindo mais empolgado para conhecer tudo que nosso país tem a oferecer? Qual cidade seria a sua primeira? Conta pra gente nos comentários! E se você já tiver feito muitas trips pelo Brasil e tiver dicas que não estão nesse post, comente também! Assim a gente inspira mais pessoas a viajarem pelo Brasil =)

 📚 Sobre a autora 📚

Oi, sou a Manuela Hollós. Sou escritora de viagens e afirmo sem medo que me hospedaria em hostels mesmo se eu fosse uma Kardashian! Meu blog é o When in Rio, mas as fotos e relatos das minhas viagens eu posto no meu Instagram 🙂

 

Foto da capa do post por @lovelyforliving

Share The World!
INSTAGRAM
EMAIL
Facebook
Facebook
GOOGLE
GOOGLE
/blog/como-fazer-viagens-baratas-pelo-brasil-todo-feriadoe-sem-quebrar-seu-orcamento/?lang=pt-br
Youtube

Sobre o Autor

Laura Carniel

I'm Laura, Brazilian, and I'm obsessed with dogs, films, sharing good stories with friends and discovering quirky places. Social Media & Content Executive and #HostelworldInsider at Hostelworld. 🌏 Favourite place on earth: London, UK. 🏠 Favourite hostel: Oki Doki Hostel - Warsaw, Poland. Follow my travel adventures and loads of dogs on Instagram @astaclivo 🐶✈️

Inspire-se

5 Responses to “Como fazer viagens baratas pelo Brasil todo feriado (e sem quebrar seu orçamento!)”

  1. Franciel dos santos marques Responder

    Moro em santa catarina , quero muito viajar , primeiro quero fazer viagens pelo estado , depois pelo brasilzão . Vou seguir suas dicas .

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Os campos marcados com * são obrigatórios. Campos obrigatórios são marcados com *

Aplicativos de Celular Hostelworld

Faça a reserva no caminho com os novos aplicativos móveis da Hostelworld.

Download on App Store Download on Play Store

Pesquise e reserve mais de 33.000 propriedades em 170 países, onde você estiver.